SPUrbanuss

Empresas de ônibus e trabalhadores pedem vacinação prioritária contra febre amarela

Empresas de ônibus e trabalhadores pedem vacinação prioritária contra febre amarela para profissionais dos transportes de São Paulo
Nesta terça-feira, 23, SPUrbanuss protocolou pedido à gestão Doria
 

Fonte: Diário do Transporte
 

O sindicato que reúne as empresas de ônibus da capital paulista, SPUrbanuss, protocolou nesta terça-feira, 23, pedido à Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes para que motoristas, cobradores e fiscais de linhas tenham prioridade na vacinação contra a febre-amarela.
 

A Secretaria de Mobilidade, pelo pedido, deveria fazer a intermediação com a Secretaria da Saúde.
 

Segundo o sindicato das viações, no último dia 18, o Sindimotoristas, que é o sindicato que reúne os trabalhadores em transportes na cidade de São Paulo, pediu apoio à entidade patronal para também reforçar o pedido da possibilidade de a vacinação prioritária ocorrer de uma maneira mais ágil.
 

Na carta que foi encaminhada ao secretário Sergio Avelleda, o presidente do SPUrbanuss, Francisco Christovam, diz que os trabalhadores precisam ter prioridade porque muitos estão expostos em áreas consideradas de maior risco e porque os horários de jornadas de trabalho não permitem a espera em postos de saúde.

 


 

Segundo o Sindimotoristas, a entidade protocolou pedido semelhante em 25 de outubro do ano passado.
 

O motorista de ônibus Adilson Tadeu Esteves Cypriano, 48 anos, que trabalhava a VIP Transporte, unidade Itaim Paulista, operadora da capital paulista, morreu no dia 9 de janeiro, com diagnóstico de febre amarela, de acordo com o Sindimotoristas.
 

O profissional, no entanto, teria passado o fim de ano na cidade de Mairiporã, na Grande São Paulo, considerada uma das áreas de risco.
 

Não foi possível determinar onde o motorista contraiu a doença.
 

A vacinação com a dose fracionada começa neste feriado municipal, 25
 

A prefeitura de São Paulo começou hoje a distribuição de senhas nas casas dos moradores da capital.
 

Só poderão tomar a vacina as pessoas que estiverem com a senha. Já quem for viajar para destinos que exigem a vacinação com a dose completa precisa comprovar a viagem.
 

Segundo o secretário municipal de Saúde, Wilson Pollara, incialmente serão vacinados os moradores de regiões das zonas Sul e Leste da cidade.
 

Na zona Leste, estão incluídos inicialmente os distritos Cidade Líder, Cidade Tiradentes, Guaianases, Iguatemi, José Bonifácio, Parque do Carmo, São Mateus e São Rafael.
 

Já na zona Sul, nesta primeira fase, até 18 de fevereiro, devem ser vacinados os moradores dos distritos Capão Redondo, Cidade Dutra, Grajaú, Jardim São Luis, Pedreira, Socorro, Vila Andrade e Campo Limpo.
 

Nas etapas seguintes, a vacinação vai incluir outras regiões da cidade.

O SINDICATO

O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de São Paulo – SPUrbanuss é uma entidade civil, sem fins lucrativos, que congrega as empresas concessionárias responsáveis pelos serviços de transporte de passageiros por ônibus do Município de São Paulo.

CONTATE-NOS

Rua Helena, 218 - 11º Andar
São Paulo - SP
CEP: 04552-050

Fone: 5186-5500